minhas bagunças

17 de jul de 2013


"Olá querido, escrevo aqui tudo aquilo que não tive coragem de dizer olhando nos teus olhos, tudo que me sufoca. A saudade está me matando, esse é o problema. Fui pra balada, bebi, dancei. Procurei a festa mais barulhenta, pra talvez sei lá.. Talvez impeça que o teu rosto chegue na minha mente. Mas é claro que todas as tentativas deram errado. Ou deram certo. Pra falar a verdade nem eu mesma sei. Mas o problema é que quando eu coloco a cabeça sob o travesseiro a única imagem que chega até mim é o teu rosto, o primeiro nome que chega aos meus ouvidos é o teu. Infelizmente está tudo acabado e dessa vez é pra valer. Mas agora meu bem, agora não é como todas as outra vezes que voltamos, agora é sério, agora é pra sempre. Você e seus ciúmes, ah esses ciúmes... É ele o culpado por todo esse sofrimento. Você e essa sua obsessão de eu ser só tua, foi isso que foi me matando aos poucos. E agora você tem que aprender: o ciúmes é um tempero, mas tempero demais desanda o prato. "

tudo aquilo que não tive coragem de dizer. Laura. 

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário, volte sempre !







Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!